LEI Nº 10.903, DE 31 DE MAIO DE 2010.

 

Institui o Calendário de Eventos de Porto Alegre e o Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre, dispõe sobre a gestão desses Calendários e revoga legislação sobre o tema.

 

O PREFEITO MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE

Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu, no uso das atribuições que me confere o inciso II do artigo 94 da Lei Orgânica do Município, sanciono a seguinte Lei:

 

Art. 1º  Ficam instituídos o Calendário de Eventos de Porto Alegre e o Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre.

§ 1º  O Calendário de Eventos de Porto Alegre será composto pelos eventos de realização semanal, mensal, anual ou bienal constantes nos Anexos I e II desta Lei.

§ 2º  O Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre será composto:

I – pelos eventos relacionados nos Anexos I e II desta Lei; e

II – por atividades desenvolvidas no Município de Porto Alegre e que se enquadrem no disposto no “caput” do art. 2º desta Lei.

 

Art. 2º  Para os efeitos desta Lei, consideram-se eventos:

I – comemorações e atividades relacionadas a datas alusivas a fatos e momentos históricos;

II – festas tradicionais, culturais e populares;

III – festivais ou mostras de arte;

IV – atividades que estimulem práticas esportivas, recreativas e de lazer;

V – atividades de cunho educativo que objetivem a transmissão de conhecimentos à comunidade;

VI – movimentos de preservação dos direitos humanos;

VII – atividades religiosas de valor comunitário;

VIII – atividades de grupos étnicos que objetivem a divulgação de suas culturas; e

IX – feiras tradicionais que se destaquem por seu valor turístico.

Parágrafo único.  Não integrarão o Calendário de Eventos de Porto Alegre:

I – datas destinadas a homenagear individualmente categorias profissionais e nacionalidades estrangeiras;

II – eventos sem alcance comunitário, social, cultural ou turístico;

III – eventos relacionados a patologias específicas, exceto quando, por suas características de incidência e gravidade, justificarem a distinção; e

IV – eventos em sua 1ª (primeira) e 2ª (segunda) edições.

 

Art. 3º  O Calendário de Eventos de Porto Alegre tem por objetivo:

I – promover o desenvolvimento social, cultural, econômico e turístico do Município;

II – orientar o Executivo Municipal no sentido da preservação de bens e valores históricos e culturais do Município;

III – estimular a prática de atividades esportivas, recreativas e de lazer; e

IV – divulgar os eventos constantes nos Anexos I e II desta Lei.

 

Art. 4º  Fica instituído, no âmbito do Executivo Municipal, o Comitê Gestor do Calendário de Eventos de Porto Alegre, com o objetivo de:

I – integrar as secretarias afins à gestão das atividades do Calendário de Eventos e do Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre;

II – propor inclusão ou supressão de eventos no Calendário de Eventos de Porto Alegre;

III – manifestar-se, quando solicitado, sobre projetos de lei relacionados ao Calendário de Eventos de Porto Alegre;

IV – elaborar o Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre; e

V – divulgar o Calendário de Eventos e o Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre.

 

Art. 5º  O Comitê Gestor do Calendário de Eventos de Porto Alegre será composto por servidores representantes de secretarias e de autarquias municipais e funcionará nos termos de sua regulamentação.

Parágrafo único.  O Comitê Gestor de que trata o “caput” deste artigo poderá ser integrado por representantes de entidades que tenham por objetivo o desenvolvimento social, cultural, econômico ou turístico do Município de Porto Alegre.

 

Art. 6º  Poderão ser destinados recursos públicos para fins de realização de atividades previstas nesta Lei, quando caracterizado relevante interesse público.

 

Art. 7º  Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

 

Art. 8º  Ficam revogados:

I – Lei nº 2.001, de 5 de novembro de 1959;

II – Lei nº 5.567, de 2 de maio de 1985;

III – Lei nº 5.866, de 16 de janeiro de 1987;

IV – Lei nº 6.228, de 25 de outubro de 1988;

V – Lei nº 6.738, de 27 de novembro de 1990;

VI – Lei nº 7.001, de 10 de janeiro de 1991;

VII – Lei nº 7.229, de 14 de janeiro de 1993;

VIII – Lei nº 7.528, de 21 de outubro de 1994;

IX – Lei nº 7.819, de 17 de julho de 1996;

X – Lei nº 7.953, de 8 de janeiro de 1997;

XI – Lei nº 7.956, de 8 de janeiro de 1997;

XII – Lei nº 7.968, de 17 de janeiro de 1997;

XIII – Lei nº 8.164, de 26 de maio de 1998;

XIV – Lei nº 8.208, de 25 de setembro de 1998;

XV – Lei nº 8.243, de 10 de dezembro de 1998;

XVI – Lei nº 8.262, de 24 de dezembro de 1998;

XVII – Lei nº 8.290, de 12 de abril de 1999;

XVIII – Lei nº 8.340, de 17 de setembro de 1999;

XIX – Lei nº 8.358, de 14 de outubro de 1999;

XX – Lei nº 8.472, de 31 de março de 2000;

XXI – Lei nº 8.545, de 6 de julho de 2000;

XXII – Lei nº 8.609, de 27 de setembro de 2000;

XXIII – Lei nº 8.752, de 28 de agosto de 2001;

XXIV – Lei nº 8.767, de 28 de setembro de 2001;

XXV – Lei nº 8.863, de 27 de dezembro de 2001;

XXVI – Lei nº 8.892, de 10 de abril de 2002;

XXVII – Lei nº 8.927, de 21 de junho de 2002;

XXVIII – Lei nº 8.940, de 8 de julho de 2002;

XXIX – Lei nº 8.958, de 22 de julho de 2002;

XXX – Lei nº 8.976, de 4 de setembro de 2002;

XXXI – Lei nº 9.141, de 6 de junho de 2003;

XXXII – Lei nº 9.166, de 14 de julho de 2003;

XXXIII – Lei nº 9.259, de 13 de novembro de 2003;

XXXIV – Lei nº 9.456, de 3 de maio de 2004;

XXXV – Lei nº 9.487, de 11 de junho de 2004;

XXXVI – Lei nº 9.568, de 27 de julho de 2004;

XXXVII – Lei nº 9.608, de 21 de setembro de 2004;

XXXVIII – Lei nº 9.610, de 21 de setembro de 2004;

XXXIX – Lei nº 9.616, de 27 de setembro de 2004;

XL – § 1º do art. 2-A da Lei nº 9.656, de 21 de dezembro de 2004;

XLI – Lei nº 9.677, de 28 de dezembro de 2004;

XLII – Lei nº 9.699, de 30 de dezembro de 2004;

XLIII – Lei nº 9.788, de 18 de julho de 2005;

XLIV – Lei nº 9.802, de 25 de julho de 2005;

XLV – Lei nº 9.854, de 24 de outubro de 2005;

XLVI – Lei nº 9.855, de 24 de outubro de 2005;

XLVII – Lei nº 9.872, de 30 de novembro de 2005;

XLVIII – Lei nº 9.893, de 22 de dezembro de 2005;

XLIX – Lei nº 9.894, de 22 de dezembro de 2005;

L – Lei nº 9.909, de 30 de dezembro de 2005;

LI – Lei nº 9.927, de 9 de janeiro de 2006;

LII – Lei nº 9.954, de 11 de abril de 2006;

LIII – parágrafo único do art. 1º da Lei nº 9.988, de 5 de junho de 2006;

LIV – Lei nº 9.995, de 19 de junho de 2006;

LV – Lei nº 10.033, de 7 de agosto de 2006;

LVI – Lei nº 10.144, de 16 de janeiro de 2007;

LVII – Lei nº 10.241, de 24 de agosto de 2007;

LVIII – Lei nº 10.246, de 6 de setembro de 2007;

LIX – Lei nº 10.281, de 25 de outubro de 2007;

LX – Lei nº 10.290, de 8 de novembro de 2007;

LXI – Lei nº 10.295, de 20 de novembro de 2007;

LXII – Lei nº 10.327, de 12 de dezembro de 2007;

LXIII – Lei nº 10.353, de 10 de janeiro de 2008;

LXIV – Lei nº 10.395, de 31 de março de 2008;

LXV – Lei nº 10.401, de 7 de abril de 2008;

LXVI – Lei nº 10.424, de 18 de abril de 2008;

LXVII – Lei nº 10.442, de 15 de maio de 2008;

LXVIII – Lei nº 10.488, de 10 de julho de 2008;

LXIX – Lei nº 10.511, de 26 de agosto de 2008;

LXX – Lei nº 10.581, de 21 de novembro de 2008;

LXXI – Lei nº 10.588, de 1º de dezembro de 2008;

LXXII – parágrafo único do art. 1º da Lei nº 10.597, de 12 de dezembro de 2008;

LXXIII – Lei nº 10.655, de 13 de março de 2009;

LXXIV – Lei nº 10.657, de 13 de março de 2009;

LXXV – Lei nº 10.662, de 27 de março de 2009;

LXXVI – Lei nº 10.684, de 19 de maio de 2009;

LXXVII – art. 2º da Lei nº 10.723, de 9 julho de 2009; e

LXXVIII – Lei nº 10.730, de 23 de julho de 2009.

 

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE, 31 de maio de 2010.

 

João Batista Linck Figueira,

Prefeito, em exercício.

 

Luiz Fernando Moraes,

Secretário Municipal de Turismo.

 

Registre-se e publique-se.

 

Newton Baggio,

Secretário Municipal de Gestão e

Acompanhamento Estratégico.

 

 

ANEXO I à Lei nº 10.903.

 

PERÍODO

EVENTO

DESCRIÇÃO, LOCAL E HORÁRIO DO EVENTO

 

Eventos Semanais e Mensais

Primeira sexta-feira de lua cheia de cada mês

CAVALGADA DA LUA CHEIA

São organizados passeios a cavalo em noites de lua cheia, passando por áreas que integram os Caminhos Rurais de Porto Alegre, marcadas pelas belezas naturais dos Bairros Lageado e Belém Novo.

Local: (*)

Primeiro sábado de cada mês

FEIRA DO GIBI

 

A Feira do Gibi propicia um contato com o mundo das histórias em quadrinhos, permitindo a leitura e o comércio e troca de revistas novas e antigas, raridades e coleções completas, entre outras publicações. Em maio e outubro, a feira se desenvolve por toda primeira semana do mês.

Local: Mercado Público Central de Porto Alegre (Largo Jorn. Glênio Peres, s/nº, Centro Histórico); das 9h às 17h.

Segunda semana do mês

FEIRA DO VINIL

A Feira do Vinil expõe, durante uma semana, discos atuais e raros, inclusive os mais antigos, estilo bolachões, propiciando ao público contato com grandes sucessos nacionais e internacionais da música (tradicionalismo, MPB, música latina, rock, jazz, blues, tango, bolero, entre outros).

Local: Mercado Público Central de Porto Alegre (Largo Jorn. Glênio Peres, s/nº, Centro Histórico); das 9h30min às 19h.

Segundo e último sábado de cada  mês

VIVA O CENTRO A PÉ

Caminhadas pela Cidade, sob a orientação de professores universitários e estudiosos que narram a história de edificações e espaços públicos de Porto Alegre. Os roteiros são previamente divulgados e, mesmo sendo uma atividade gratuita, é exigida inscrição dos participantes.

Local: (*)

Todos os sábados

FEIRA ECOLÓGICA DA JOSÉ BONIFÁCIO

Famílias de pequenos agricultores do Rio Grande do Sul vendem seus produtos, transformando o espaço em ponto de encontro de ecologistas, estudantes e adeptos de uma alimentação livre de agrotóxicos.

Local: Av. José Bonifácio, Farroupilha; das 7h30min às 13h.

FEIRA DE ARTESANATO E BRIQUE DE SÁBADO DA AVENIDA JOSÉ BONIFÁCIO

A Feira oferece produtos vendidos diretamente pelos artesãos, além de estandes de artes plásticas, antiquários e gastronomia.

Local: Av. José Bonifácio, Farroupilha; das 14h às 18h.

FEIRA DO CAMINHO DOS ANTIQUÁRIOS

Expositores e lojistas espalham pelas ruas e calçadas pratarias, móveis, artesanato, louças, relógios, obras de arte, cristais, raridades e peças de coleção. Durante a Feira, também são realizadas apresentações artísticas e culturais.

Local: Rua Mal. Floriano Peixoto, entre as Ruas Cel. Fernando Machado e Demétrio Ribeiro, até a Praça Gen. Daltro Filho, Centro Histórico; das 10h às 16h.

FEIRA DE ANTIGUIDADES 5ª AVENIDA CENTER

Exposição e comércio de obras de arte, antiguidades, imagens sacras e consoles.

Local: Galeria 5ª Avenida Center (Rua 24 de Outubro, 111, Independência); das 10h às 18h.

Todos os domingos

BRIQUE DA REDENÇÃO

ARTENAPRAÇA

FEIRA DE ARTESANATO E FEIRA DE ALIMENTAÇÃO DO BOM FIM

Local tradicional de encontro e visitação de turistas e porto-alegrenses oferece ao público exposição e comércio de artesanato, livros usados, discos, moedas e selos, feira de antiguidades e um segmento de artes plásticas, além de estandes de venda de lanches rápidos e alimentos típicos da gastronomia étnica e regional.

Local: Av. José Bonifácio, Farroupilha; das 9h às 18h.

BRIQUE DE DOMINGO DA USINA DO GASÔMETRO

Instalada ao lado da Usina do Gasômetro e às margens do Guaíba, a feira comercializa produtos de artesanato, artes plásticas, antiguidades e gastronomia, propiciando recreação e lazer em um dos pontos turísticos mais conhecidos da Cidade.

Local: Usina do Gasômetro (Av. Pres. João Goulart, 551, Centro Histórico); das 9h às 18h.

PEIXE NA TAQUARA

 

O peixe na taquara, prato típico de origem açoriana, é preparado pela comunidade da ilha da Pintada e oferecido aos visitantes de forma rústica e tradicional.

No local, encontra-se instalada uma pequena loja de artesanato, onde se destacam os objetos e bijuterias feitos com escamas de peixe.

Os visitantes chegam à Ilha de carro, pela ponte do Guaíba, ou de barco, em um passeio com saída na Usina do Gasômetro.

Local: Colônia de Pescadores Z5, Ilha da Pintada.

Eventos Anuais sem data fixa

Sem data fixa, dependendo de calendário anual específico

MARATONA DE PORTO ALEGRE

A Maratona de Porto Alegre é uma das maratonas mais rápidas do Brasil pela conjunção dos dois fatores mais importantes para obtenção de boas marcas: baixa temperatura e trajeto quase todo plano. Também por esse detalhe, a prova gaúcha costuma ser palco de recordes pessoais, em que muitos corredores conseguem tempo para ingressar no Ranking Brasileiro de Maratonistas.

Mas não é só isso. Uma característica interessante do novo trajeto na Capital gaúcha é que os acompanhantes dos maratonistas podem dar seu apoio na altura dos kms 6,5 e 31, por serem bem próximos da largada/chegada.

Local: (*)

CORRIDA PARA VENCER O DIABETES

 

Milhares de pessoas percorrem ruas da Cidade, correndo ou caminhando, em um trajeto cujo ponto de partida é o Parque Moinhos de Vento.

Tem como objetivos conscientizar acerca da importância dos cuidados com o diabetes e angariar recursos para custeamento de projetos do Instituto da Criança com Diabetes do Rio Grande do Sul.

Local: Parque Moinhos de Vento (Moinhos de Vento). (*)

CORRIDA PELA VIDA

Rústica individual e de revezamento realizada em ruas da Cidade, geralmente no mês de outubro, com concentração inicial no Parque Moinhos de Vento.

Correndo ou caminhando, os atletas também podem participar de atividades lúdicas, recreativas e culturais voltadas à conscientização acerca do câncer infanto-juvenil e à arrecadação de recursos para o Instituto do Câncer Infantil do Rio Grande do Sul.

Local: Parque Moinhos de Vento (Moinhos de Vento). (*)

Eventos Bienais

Anos ímpares, geralmente entre setembro e novembro

BIENAL DO MERCOSUL

A Bienal do Mercosul foi criada em 1997 e é reconhecida como o maior conjunto de mostras e eventos dedicados à arte latino-americana no mundo.

Referência na área pelas ações educativas que desenvolve, segue um projeto pedagógico no qual atividades como exposições, seminários e oficinas oportunizam o debate e promovem o acesso da população à arte e à cultura contemporâneas.

Local: (*)

 

(*) Ver Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre

 

 

ANEXO II à Lei nº 10.903.

 

PERÍODO

EVENTO

DESCRIÇÃO, LOCAL E HORÁRIO DO EVENTO

 

JANEIRO

Dezembro e janeiro

DESCIDA DA BORGES

Relembra os primórdios dos desfiles carnavalescos da Capital, inicialmente realizados na Av. Borges de Medeiros.

Escolas de samba organizam apresentações em que o público se mistura a um festival de bandeiras, estandartes, alegorias, fogos de artifício e muito samba, mostrando um pouco do espetáculo que irá integrar o Desfile Oficial do Carnaval da Cidade.

Local: Inicia na Esquina Democrática (Rua dos Andradas com Av. Borges de Medeiros, Centro Histórico).  (*)

Janeiro e fevereiro

PORTO VERÃO: Circuito de Vôlei de Praia e Ativação Esportiva do Lami

Conjunto de atividades esportivas e de lazer promovidas nos finais de semana, destacando-se o Circuito de Vôlei de Praia – série de partidas de vôlei de duplas que ocorrem no Parque Marinha do Brasil – e a Ativação Esportiva do Lami, que oferece serviços de recreação e torneios de vôlei de praia.

Local: Parque Marinha do Brasil e praia do Lami. (*)

PORTO VERÃO ALEGRE

Apresentações de teatro, adulto e infantil, música, literatura, cinema, artes plásticas, artes gráficas, vídeos e outros eventos possuem programação intensificada e são oferecidos a preços reduzidos à população.

Local: (*)

Última semana de janeiro à primeira semana de março

FEIRA DO MATERIAL ESCOLAR

Unindo em um mesmo espaço diferentes empresas fornecedoras de material escolar, propicia facilidade de acesso à população e tem por finalidade regular os preços de mercado desses produtos, evitando os aumentos comuns no período que antecede o início do ano letivo.

Local: Mercado Público Central de Porto Alegre (Largo Jorn. Glênio Peres, s/nº, Centro Histórico). (*)

Dois finais de semana

FESTA DA UVA E DA AMEIXA DE PORTO ALEGRE

Propicia a venda direta do produtor ao consumidor de uvas e ameixas de várias qualidades, além de outras frutas, a serem consumidas in natura ou na forma de sucos, bem como diversos produtos da agroindústria da Cidade.

Local: Círculo Operário Porto-Alegrense (Estr. Costa Gama, 1009, Belém Velho). (*)

FEVEREIRO

Dia 2

FESTA DE NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES

Considerada a maior festa religiosa da Cidade, homenageia Nossa Senhora dos Navegantes e seu sincretismo afro-brasileiro.

Em procissão por terra e por água, a imagem de Nossa Senhora é transportada do Santuário Nossa Senhora do Rosário para a Igreja Nossa Senhora dos Navegantes. Na sua chegada, é celebrada uma missa campal, seguida de festa popular com apresentações artísticas e venda de flores, velas, artesanato e alimentos, em especial a melancia, que é tradicionalmente consumida na Festa.

Na data, também ocorre a homenagem a Iemanjá, correspondente de Nossa Senhora dos Navegantes nas religiões afro--brasileiras. São feitas homenagens nas praias, com os devotos lançando nas águas pequenas embarcações com oferendas apreciadas pelo orixá feminino.

Local: Santuário Nossa Senhora do Rosário (Rua Vigário José Inácio, 402, Centro Histórico).

Domingo mais próximo do dia 11

FESTA DE NOSSA SENHORA DE LOURDES

Durante a Festa, precedida de tríduo e procissão luminosa, são realizadas missas e proferidas bênçãos especiais aos romeiros.

A Gruta de Nossa Senhora de Lourdes foi construída como réplica da gruta francesa onde a jovem Bernadete Soubirous declarou ter visto Nossa Senhora no ano de 1858, sendo local de oração e romaria.

Local: Gruta Nossa Senhora de Lourdes (Rua da Gruta, 109, Cascata).

Janeiro e fevereiro

 

PORTO VERÃO

Ver descrição detalhada no mês de janeiro.

 

PORTO VERÃO ALEGRE

Janeiro a março

FEIRA DO MATERIAL ESCOLAR

Ver descrição detalhada no mês de janeiro.

Final de fevereiro ou início de março

 

CARNAVAL DE PORTO ALEGRE

Tendo como ponto alto os desfiles das Escolas do Grupo Especial, do Grupo de Acesso e das Tribos, realizados na Pista de Eventos do Complexo Cultural do Porto Seco, engloba diversas atividades concomitantes, como a muamba oficial, desfiles de tribos carnavalescas, rodas de samba e mostras de samba-enredo. (1)

Também são realizados bailes e concursos para escolha da Corte Oficial, da Corte da Maturidade e da Corte Mirim do Carnaval de Porto Alegre.

No sábado, domingo e segunda-feira de Carnaval ocorre a integração carnavalesca Estação Folia, em que clubes sociais da Cidade promovem bailes adultos e infantis gratuitos a seus associados e a preços promocionais ao público em geral. (2)

Locais: (1) Complexo Cultural do Porto Seco (Av. Plínio Kroeff, s/nº, Rubem Berta).

(2) Clubes sociais da Cidade. (*)

Final de fevereiro ou início de março

INTERCENTROS DE NATAÇÃO & MISS PISCINA

Marca o encerramento da temporada de piscinas nos centros comunitários municipais, contando com a realização de provas de natação de diversas modalidades e com a final do concurso Miss Piscina, nas categorias Brotinho, Broto, Rainha e Soberana.

Local: (*)

Segunda quinzena

 

FESTIVAL DE VERÃO DO RS DE CINEMA INTERNACIONAL

 

São exibidos filmes nacionais e estrangeiros inéditos, além de clássicos da história da cinematografia, muitos deles em sessões gratuitas.

Paralelamente, ocorrem atividades como oficinas, cursos, palestras, aulas magnas e sessões comentadas, com intercâmbio de experiências entre produtores, diretores, atores e público, propiciando acesso à diversidade técnica e de conteúdo observada nessa arte.

Ainda, ocorrem exibições em localidades que não possuem salas de projeção e em outros Municípios do Estado, seguindo políticas voltadas à inclusão cultural e à formação de novas plateias.

Local: (*)

MARÇO

Final de fevereiro ou início de março

 

CARNAVAL DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de fevereiro.

 

INTERCENTROS DE NATAÇÃO & MISS PISCINA

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

 

Com inscrições a partir do mês de março, as rodadas do Campeonato totalizam mais de mil jogos e envolvem equipes compostas por bochófilos de diferentes idades e níveis técnicos, divididos entre as categorias Canchas Naturais, Canchas Sintéticas, Terceira Idade e Série Especial.

Local: (*)

Janeiro a março

FEIRA DO MATERIAL ESCOLAR

Ver descrição detalhada no mês de janeiro.

Primeira quinzena

SEMANA DA MULHER

Para assinalar o transcurso do Dia Internacional da Mulher, a Prefeitura Municipal organiza seminários, debates, oficinas, feiras, exposições e shows artísticos, reafirmando o compromisso com a equidade e relações de dignidade entre homens e mulheres.

Local: (*)

Dez dias, incluindo dois finais de semana e o dia 26

SEMANA DE PORTO ALEGRE:

 

PREFÁCIO AO VIVO

 

BAILE DA REDENÇÃO

 

TORNEIO ABERTO DE XADREZ

 

CORRIDA DE 10KM E RÚSTICA INFANTIL DE PORTO ALEGRE

A Semana inicia com a programação “24 Horas de Cultura”, que leva concertos, peças de teatro, dança, circo, palestras, shows, rodas de capoeira, exposições e filmes a diferentes bairros do Município.

Também incluem-se projetos específicos como o “Prefácio ao Vivo”, que articula a literatura com uma ou mais expressões artísticas e culturais, tais como bate-papo com escritores, mostra de vídeos ou fotos.

É nesta semana que ocorre o tradicional baile da Cidade, conhecido como Baile da Redenção, ponto alto das festividades, em estrutura especialmente montada para o evento, próximo à fonte luminosa, no centro do Parque Farroupilha.

Ainda acontece o Torneio Aberto de Xadrez, que reúne competidores do País e do exterior, incentivando a integração entre jogadores de diferentes categorias e idades.

No encerramento da Semana de Porto Alegre, no último domingo das festividades, são realizadas a Corrida de 10km e a Rústica Infantil de Porto Alegre, com distribuição de prêmios e troféus nas categorias adulto, infantil, masculino, feminino e de revezamento de duplas.

Local: (*)

Quarta semana

RODEIO INTERNACIONAL E RODEIO NACIONAL CIDADE DE PORTO ALEGRE

FÓRUM LATINO-AMERICANO DE TRADIÇÃO E FOLCLORE

FEIRA AGROPECUÁRIA DA PRODUÇÃO PRIMÁRIA EM PORTO ALEGRE – FEPOAGRO

Em parque aberto ao público, ocorrem os rodeios, uma das mais importantes representações da cultura gaúcha, e o Fórum Latino-Americano de Tradição e Folclore, propiciando ao público competições de tiro de laço, gineteadas e uma extensa programação que envolve atividades folclóricas, esportivas e musicais.

É organizada, ainda, uma mostra de produtos do agronegócio gaúcho, reunindo produtores, criadores, fabricantes de implementos e associações voltadas ao desenvolvimento da área rural.

Local: Parque Maurício Sirotsky Sobrinho. (*)

 

Final de março ou início de abril

 

FEIRA DO PEIXE DA CIDADE DE PORTO ALEGRE

Evento com mais de dois séculos de tradição em Porto Alegre, ocorre anualmente durante a Semana Santa. É precedido do Lançamento da Feira do Peixe da Cidade de Porto Alegre, que acontece no primeiro domingo da Semana Santa, na lha da Pintada. Ali se realiza uma competição de pesca pela manhã, e é servido o peixe na taquara no almoço.

Durante a Feira, bancas são instaladas no Largo Jorn. Glênio Peres, vendendo os mais variados tipos de pescado. Também oferecem ao público alimentos prontos, como peixe na taquara e lanches derivados de frutos do mar.

Local: Colônia de Pescadores Z5 (ilha da Pintada) e Largo Jorn. Glênio Peres (Centro Histórico). (*)

FEIRA DO PEIXE DA RESTINGA

 

A Feira inicia-se um dia após a abertura da Feira do Peixe da Cidade de Porto Alegre.

Produtores, feirantes e pescadores da Restinga, Extremo-Sul e Belém Novo oferecem diversos tipos de pescados, hortifrutigranjeiros, chocolates, ervas medicinais, artesanato e vinhos produzidos na região. Além de peixe fresco e congelado, os visitantes encontram barracas com peixes vivos, pratos e petiscos à base de peixe.

Local: Esplanada da Restinga, Restinga. (*)

ABRIL

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

 

Ver descrição detalhada no mês de março.

 

Março ou abril

 

FEIRA DO PEIXE DA CIDADE DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de março.

 

FEIRA DO PEIXE DA RESTINGA

Sexta-Feira Santa

PROCISSÃO DO MORRO DA CRUZ

A via-crúcis do morro da Cruz é encenada desde 1960 e conta com a participação de atores profissionais, artistas plásticos e moradores da comunidade local.

O espetáculo inicia com uma missa na Igreja São José do Murialdo, segue com a encenação do julgamento de Jesus Cristo em palco instalado na frente da Igreja e continua em procissão por ruas do bairro até o alto do morro da Cruz, onde a via-  -sacra tem seu ponto culminante, com os momentos da crucificação e da ressurreição.

Local: Inicia na Igreja São José do Murialdo (Rua Vidal de Negreiros, 550, São José).

No dia, ou no período que inclua o dia 23

FESTA DE SÃO JORGE

 

PROCISSÃO DE SÃO JORGE E OGUM

 

FESTA E CAVALGADA DE OGUM

 

 

Considerada uma das maiores festas religiosas da Cidade, é organizada pela Paróquia São Jorge, incluindo em sua programação novenas, cavalgadas, bênçãos especiais, missa campal com procissão e festejos populares. (1)

Procissão inter-religiosa que parte do Monumento a Bento Gonçalves, na Av. João Pessoa, e segue até o Largo Zumbi dos Palmares, sítio histórico afro-umbandista gaúcho, onde se localizavam templos destinados ao assentamento de orixás. (2)

Durante a festa em homenagem a Pai Ogum (São Jorge Guerreiro), ocorre uma cavalgada de aproximadamente 15km, da Igreja Nossa Senhora de Belém até o Templo de Pai Ogum, construído todo em pedra, em formato de castelo medieval, tendo em seu interior várias imagens de São Jorge e seus símbolos sagrados. No templo é realizado um ritual de saudação ao Pai Ogum e, no final da tarde, tem lugar uma sessão de umbanda ao ar livre. (3)

Locais: (1) Igreja São Jorge (Av. Bento Gonçalves, 2948, Partenon). (*)

(2) Igreja Nossa Senhora de Belém (Av. Heitor Vieira, 494, Belém Novo). (*)

(3) Templo Universal da Paz Pai Francisco de Luanda (Rua Luís Correa da Silva, 220, Lami). (*)

Segunda quinzena

SEMANA DOS POVOS INDÍGENAS

 

Durante a semana, ocorrem exposições, feiras, apresentações artísticas e festas tradicionais. Comunidades indígenas debatem e divulgam questões atinentes à diversidade cultural dos povos indígenas que vivem na Cidade, envolvendo principalmente as etnias Mbyá-Guarani, Charrua e Kaingang.

Local: (*)

Penúltima semana

SEMANA DO LIVRO

Realizada para marcar a passagem do Dia Nacional do Livro Infantil (18 de abril – data de nascimento de Monteiro Lobato) e do Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor (23 de abril – data de morte de Miguel de Cervantes e William Shakespeare).

São organizados saraus literários, rodas de histórias, exposições, oficinas de literatura e arte, debates, entrega de prêmios, lançamento de livros e sessões de autógrafos. Destacam-se os eventos promovidos no Caminho do Livro, na Rua Riachuelo, onde ocorrem apresentações especiais de música, dança e teatro, na rua e nos bares locais.

Local: (*)

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

 

Com inscrições ocorrendo a partir do mês de abril, são disputados por atletas de 10 a 18 anos, abrangendo cinco modalidades esportivas: basquete, futebol, futsal, handebol e vôlei. As competições ocorrem em praças, parques, campos, ginásios e outros espaços disponibilizados pela comunidade envolvida.

Local: (*)

MAIO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Maio ou junho, em uma quinta-feira, 60 dias após a Páscoa

PROCISSÃO DE CORPUS CHRISTI

O Dia de Corpus Christi é celebrado na quinta-feira seguinte à Festa da Santíssima Trindade, que ocorre no primeiro domingo depois de Pentecostes, de acordo com o calendário religioso Cristão.

As festividades iniciam com a celebração de missa campal, defronte à Catedral Metropolitana de Porto Alegre, seguida de procissão até a Igreja Nossa Senhora da Conceição, onde os fiéis recebem a bênção do Santíssimo Sacramento.

Também ocorrem procissões e festejos descentralizados, destacando-se os da Zona Sul, no Bairro Restinga, e os da Zona Norte, no Complexo Cultural do Porto Seco, onde são confeccionados os tradicionais tapetes para a passagem do cortejo.

Local: Centro Histórico, Zona Sul e Zona Norte da Cidade.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

 

 

Com inscrições ocorrendo a partir do mês de maio, os campeonatos são disputados por atletas jovens e adultos, nas categorias masculino e feminino, e envolvem equipes da Cidade e da Região Metropolitana.

Os jogos abrangem as modalidades handebol, basquete, futsal e vôlei.

Local: (*)

Dia 1º

 

 

DIA DO TRABALHADOR

Integram o rol de atividades realizadas na Cidade durante o Dia do Trabalhador shows no Anfiteatro Pôr-do-Sol, manifestações políticas, debates, música, dança, teatro, festas, saraus, desfiles e competições esportivas.

Local: (*)

FESTA DE NOSSA SENHORA DO TRABALHO

As homenagens a Nossa Senhora do Trabalho iniciam com uma novena que vai até o dia 30 de abril, quando é realizada carreata para conduzir a imagem de Nossa Senhora até uma das capelas da Paróquia. No dia 1º de maio, os fiéis organizam uma procissão para carregar a imagem por ruas do bairro até a igreja da Paróquia, onde as festividades culminam com a celebração de missa festiva, seguida de almoço de confraternização. Durante a missa, é proferida a bênção das carteiras de trabalho, e, após, as pessoas dão testemunho de graças obtidas em sua atividade profissional.

Local: Paróquia Nossa Senhora do Trabalho (Av. Benno Mentz, 1560, Vila Ipiranga).

Período próximo ao Dia de Pentecostes

 

FESTA DO DIVINO ESPÍRITO SANTO

Trazida pelos imigrantes açorianos no início do século XIX, a Festa do Divino Espírito Santo abrange dez dias de programação, iniciada com a novena do Divino, que relembra a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos, após a ressurreição de Jesus Cristo.

Ao final do período, os fiéis se reúnem em procissão, que parte da Catedral Metropolitana de Porto Alegre (1), seguindo para a Capela do Divino Espírito Santo (2), onde ocorre uma missa e é proferida bênção especial.

Locais: (1) Catedral Metropolitana de Porto Alegre (Rua Duque de Caxias, 1047, Centro Histórico). (*)

(2) Capela do Divino Espírito Santo (Av. José Bonifácio, 753, Farroupilha). (*)

Primeira semana

FEIRA DO GIBI

 

A Feira do Gibi propicia um contato com o mundo das histórias em quadrinhos, permitindo leitura , comércio e troca de revistas novas e antigas, raridades e coleções completas, entre outras publicações.

Local: Mercado Público Central de Porto Alegre (Largo Jorn. Glênio Peres, s/nº, Centro Histórico); das 9h às 17h.

Primeira quinzena

FEIRA INTERNACIONAL DE ARTESANATO – FEIARTE

Considerado um dos principais eventos de artesanato da Cidade, reúne artistas nacionais e internacionais. Promove intercâmbio cultural e comercial, apresentando ao público, além do artesanato, a culinária, os costumes e as danças típicas dos diferentes países participantes.

Integram a Feira associações, microempresas, órgãos públicos e privados de fomento e incentivo à produção artesanal, delegações oficiais de outros países e artesãos.

Local: (*)

Semana que antecede o segundo domingo

FEIRA DE ECONOMIA SOLIDÁRIA DO DIA DAS MÃES

 

Segue uma proposta de trabalho coletivo, propiciando aos feirantes acesso à capacitação técnica, divulgando produtos e abrindo novos espaços de comercialização. No evento, são oferecidos peças de artesanato, confecções, produtos da agricultura familiar, da agroindústria e alimentação.

Local: Largo Jorn. Glênio Peres, Centro Histórico.

Segundo domingo

DIA DAS MÃES

Na manhã do sábado que antecede ao Dia das Mães, uma bênção inter-religiosa é realizada na Catedral Metropolitana de Porto Alegre.

No domingo, eventos esportivos, culturais e de lazer ocorrem em diferentes espaços públicos e privados da Cidade, em especial junto ao Parque Farroupilha.

Local: Catedral Metropolitana de Porto Alegre (Rua Duque de Caxias, 1047, Centro Histórico). (*)

Terceiro domingo

ROMARIA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

A procissão vai da região do Porto Seco até o Santuário de Nossa Senhora de Fátima, sendo acompanhada por devotos, que lembram especialmente o Dia das Mães, solicitam graças e agradecem por bênçãos recebidas em situações que envolvem família, paz, saúde, perdão e busca de consolo.

Local: Santuário de Nossa Senhora de Fátima (Rua Nossa Senhora de Fátima, 74, Rubem Berta).

Em domingo, no dia 22, ou no anterior

FESTA DE SANTA RITA DE CÁSSIA

Festa tradicional do Bairro Guarujá, é precedida por três dias de celebrações religiosas, finalizando com uma carreata por diversas ruas da região.

No dia da Festa os fiéis, carregando rosas de todas as cores, seguem em procissão do Santuário de Nossa Senhora Aparecida até o Santuário de Santa Rita de Cássia, onde é celebrada missa campal com bênção especial da saúde.

Local: Santuário de Santa Rita de Cássia (Rua Jacundá, 345, Guarujá). (*)

Terceiro sábado

DIA DA SOLIDARIEDADE

Mostra e intercâmbio de experiências implementadas nas comunidades e que servem de exemplo para disseminação da cultura da solidariedade como instrumento de transformação social.

Entidades sociais e empresas de diferentes setores instalam estandes no parque, criando um imenso espaço de prestação gratuita de serviços à população. Também são realizadas atividades recreativas e culturais, como caminhadas, exposições, palestras, peças teatrais, espetáculos de dança e shows artísticos.

Local: Parque Farroupilha.

Último domingo

FESTA NA RUA

A Rua Gen. João Telles converte-se em um corredor colorido, onde são expostos, em barracas enfeitadas, artesanato e produtos típicos da culinária judaica. Durante a Festa, ocorrem apresentações artísticas de diferentes culturas, tais como shows de música, dança israeli, dança do ventre, roda de capoeira, hip-hop e apresentações do tradicionalismo gaúcho.

São proporcionados, ainda, encontros para debate e intercâmbio de experiências, objetivando a integração e viabilizando à população maior contato com os costumes do povo judeu e com as demais culturas que integram a comunidade do bairro.

Local: Rua Gen. João Telles, entre a Av. Osvaldo Aranha e a Rua Henrique Dias, Bom Fim.

JUNHO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Maio ou junho, numa quinta-feira, sessenta dias após a Páscoa

PROCISSÃO DE CORPUS CHRISTI

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Período que inclua o dia 5

SEMANA DO MEIO AMBIENTE

Programações culturais, educacionais e esportivas são organizadas em diferentes espaços da Cidade, divulgando experiências e incentivando o debate sobre questões vinculadas ao desenvolvimento sustentável.

Nesse contexto, são realizados torneios esportivos, seminários, shows, oficinas, feiras, caminhadas e passeios ciclísticos por morros, contação de histórias, plantio coletivo de árvores e outras atividades voltadas à conscientização ambiental.

Local: (*)

Dia 13

FESTA DE SANTO ANTÔNIO

A Igreja de Santo Antônio do Partenon, monumento arquitetônico da Cidade, serve de local de concentração e ponto de partida de festividades que transcorrem durante todo o dia e envolvem milhares de fiéis do Santo, conhecido como casamenteiro, protetor das crianças e construtor da paz.

São celebradas missas de hora em hora, e,  no salão paroquial e no pátio da Igreja, são instaladas tendas para venda de artesanato e artigos religiosos e distribuição de pães.

As festividades encerram-se à noite, com a realização de uma procissão luminosa, seguida de missa campal.

Local: Igreja de Santo Antônio do Partenon (Rua Luís de Camões, 35, Santo Antônio).

Sábado mais próximo do dia 24

FESTA DE SÃO JOÃO BATISTA

Foi realizada pela primeira vez no ano de 1917 e é hoje considerada uma das maiores celebrações religiosas da Zona Norte da Cidade.

Antecedida por nove dias de missas noturnas, que integram a Novena de São João Batista, o evento inicia com procissão pelas ruas do bairro e posterior missa campal, seguida de festa junina com fogos de artifício, fogueira, jogos e sorteios.

Local: Paróquia São João Batista (Rua Honório Silveira Dias, 625, São João).

Domingo próximo do dia 28

PARADA DO ORGULHO GAY

A data relembra rebelião ocorrida em 1969, em Nova Iorque, de protesto contra a violência policial e discriminação sexual.

Durante o domingo, o parque e arredores são tomados pela festa, com shows musicais, trios elétricos, manifestações políticas, marchas e concursos artísticos, buscando integrar a comunidade e conscientizar sobre a livre orientação sexual.

Local: Parque Farroupilha. (*)

JULHO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês maio.

Primeira quinzena

FESTIVAL DE ARTE CIDADE DE PORTO ALEGRE

Pesquisadores, artistas e teóricos de reconhecida atuação nacional e internacional participam de exposições, palestras, oficinas e cursos, oferecendo ao público acesso a informações e intercâmbio de experiências em diferentes linguagens das artes visuais, como desenho, pintura, cerâmica, gravura e escultura.

Local: Centro Municipal de Cultura (Av. Érico Veríssimo, 307, Menino Deus). (*)

Domingo mais próximo do dia 25

 

FESTA E PROCISSÃO DE SÃO CRISTÓVÃO

 

Nove dias de orações antecedem as homenagens a São Cristóvão, padroeiro dos motoristas e dos atletas.

No dia da Festa, os devotos recebem bênçãos especiais e participam de uma procissão por ruas do bairro, em uma carreata integrada principalmente por caminhões e veículos utilizados em atividades profissionais. Após, a Festa continua nas dependências da Paróquia, com missa, almoço de confraternização, jogos, sorteios, música, dança e outros festejos populares.

Local: Igreja São Cristóvão (Rua Osmindo Júlio Kuhn, 439, Rubem Berta).

Última semana

FESTIVAL DE INVERNO

Em diferentes palcos da Cidade, são realizados shows de bandas e solistas, organizados ciclos de cinema e proferidos cursos com temáticas ligadas à área de ciências humanas. Os ingressos e as inscrições são oferecidos gratuitamente ou com valores reduzidos.

Local: (*)

AGOSTO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Primeira sexta-      -feira

ENCONTRO INTERNACIONAL DE COROS

Corais reconhecidos nacional e internacionalmente promovem apresentações conjuntas com solistas especialmente convidados para o evento, propiciando ao público a oportunidade de apreciar e entrar em contato com as diferentes linhas de interpretação atualmente adotadas por grupos que trabalham com música coral.

Local: (*)

Segundo domingo

DIA DOS PAIS

Os visitantes podem assistir e participar de atividades culturais e de lazer promovidas durante todo o domingo, como desafios esportivos, sessões orientadas de ginástica, shows artísticos, sorteios e distribuição de brindes, brinquedoteca, caminhadas e passeios ciclísticos orientados, oficinas de chimarrão, confecção de carrinhos e brinquedos, origami, pintura e reciclagem de papel.

Ainda, em estandes instalados no local, são oferecidos serviços gratuitos à população, em especial na área de saúde e de promoção da cidadania.

Local: Parque Farroupilha.

Terceiro domingo

CAMINHADA PELA FAMÍLIA

O evento propõe uma caminhada de integração familiar e de reflexão sobre o papel da família na sociedade contemporânea.

A concentração inicial ocorre na Igreja Santo Antônio do Pão dos Pobres, seguindo até a Catedral Metropolitana de Porto Alegre, onde é realizada uma missa, tendo como tema a importância da preservação, do reforço e do incentivo à instituição familiar.

Local: Igreja Santo Antônio do Pão dos Pobres (Rua da República, 838, Cidade Baixa).

Terceiro domingo

FESTA SANTA ROSA DE LIMA

Festa tradicional da Zona Norte da Cidade, geralmente inclui na sua programação missas, novenas, procissão e festejos populares.

Local: Paróquia Santa Rosa de Lima (Av. Bernardino de Oliveira Paim, 82, Rubem Berta).

Período que inclua o dia 21

SEMANA MUNICIPAL DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Conta com uma programação voltada à busca da inclusão social e integração comunitária, com a realização de jogos de futsal com atletas com deficiência visual, vôlei, basquete e esgrima de cadeirantes, cinema, recreação infantil, exposições, gincanas, palestras técnicas e políticas.

Local: (*)

Final de agosto e início de setembro

PORTO ALEGRE EM DANÇA

Centenas de bailarinos do Brasil e de países vizinhos reúnem-se em um dos maiores festivais de dança do Estado.

Os espetáculos contemplam as mais diversas modalidades, do folclore à dança contemporânea, valorizando o trabalho de escolas de dança e de grupos não profissionais.

Também são realizados cursos e oficinas para qualificação de profissionais da área ou de pessoas interessadas em dar continuidade ao trabalho que realizam em suas escolas e academias.

Local: (*)

Semana que inclua o dia 12

SEMANA MUNICIPAL DA JUVENTUDE

Nessa Semana, que contempla o Dia Nacional da Juventude (12 de agosto), os jovens têm a oportunidade de participar de discussões amplas sobre políticas públicas para a juventude e de painéis sobre temas pertinentes a essa faixa da população. Ainda podem tomar parte de apresentações culturais, esportivas, shows de música e dança e atividades de prevenção ao uso de drogas e à violência, estimulando a participação social de organizações e movimentos juvenis.

Local: (*)

SETEMBRO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Final de agosto e início de setembro

PORTO ALEGRE EM DANÇA

Ver descrição detalhada no mês de agosto.

1º a 7

SEMANA DA PÁTRIA

A abertura oficial das festividades ocorre com a cerimônia de acendimento do Fogo Simbólico da Pátria em pira instalada junto ao Monumento ao Expedicionário, no Parque Farroupilha.

Ações cívicas envolvendo militares e estudantes, missas solenes, concertos musicais, exposições temáticas, cursos, palestras, debates e desfiles descentralizados em bairros e vilas da Cidade são realizados no transcurso da Semana, que se encerra com o tradicional desfile militar em homenagem ao Sete de Setembro.

Local: (*)

Período compreendido entre o dia 1º e 20

ACAMPAMENTO FARROUPILHA

 

Entidades tradicionalistas de todo o Estado instalam piquetes em moradias típicas decoradas com objetos e utensílios da cultura rio-grandense, permitindo a visitação do público.

Gineteadas, tiros de laço e provas de rédeas misturam-se aos estandes de artesanato, feira de livros com temática gauchesca, área de alimentação com pratos da culinária tradicional e lanches rápidos, shows de dança e música, teatro, torneios de trova, bailes, oficinas, missa crioula e competições de bocha, tava (jogo do osso), tetarfe (jogo da ferradura) e truco.

O público infantil encontra programação especial. A história do Rio Grande do Sul é contada para as crianças por meio de brincadeiras, encenações, música, poesia e passeios pelo Parque.

Local: Parque Maurício Sirotsky Sobrinho.

13 a 20

SEMANA FARROUPILHA

Realizada principalmente em espaços do Acampamento Farroupilha, a programação consta de palestras, cursos, debates e seminários, oficinas de chimarrão e culinária, feira de livros com temática gauchesca, exposições de vestimentas e utensílios típicos, apresentações de danças e cancioneiro gaúcho e competições de jogos tradicionalmente ligados à cultura do Rio Grande do Sul.

O encerramento é marcado pela cerimônia de extinção da Chama Crioula e pelo tradicional Desfile da Semana Farroupilha, quando apresentam-se entidades participantes do Acampamento e seus carros temáticos.

Também durante a Semana são organizadas diversas atividades descentralizadas, tendo como foco principal o resgate da cultura e das tradições gaúchas, destacando-se desfiles realizadas em bairros e vilas da Cidade, a pé, a cavalo e com carros temáticos, como os da Vila Farrapos e dos Bairros Menino Deus e Belém Novo.

Local: (*)

Dia 27

DIA MUNDIAL DO TURISMO

 

O Município comemora a data promovendo eventos que divulguem, junto à população, os reflexos positivos da atividade turística no desenvolvimento cultural, econômico e social. Na semana em que incluir o dia 27, acontece a entrega do Prêmio Porto Alegre Turismo, homenageando instituições e personalidades que tenham contribuído para o desenvolvimento do Turismo na Cidade.

Projetos especiais incentivam o turismo interno e buscam a conscientização quanto à necessidade de receber bem o turista e de preservar o patrimônio natural, histórico e cultural e os equipamentos turísticos da Cidade.

Local: (*)

Semana que inclua o segundo domingo

SEMANA DE BELÉM NOVO

 

As festividades iniciam-se com missa campal para assinalar o transcurso do aniversário da Paróquia Nossa Senhora de Belém. Na igreja, considerada monumento histórico da Cidade, é realizada a Festa de Nossa Senhora de Belém, com tríduo religioso, fogos de artifício, missas, procissão, almoço festivo e festejos populares.

Entre os eventos da Semana, destaca-se ainda o Desfile Farroupilha, do qual participam cavalarianos e lanceiros de piquetes da região, representantes da Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros, escolas e entidades nativistas, a pé e a cavalo, com apresentações temáticas e indumentárias típicas relacionadas às tradições gaúchas.

Local: (*)

Semana que inclua o dia 22

SEMANA DA PRIMAVERA

A chegada da primavera serve de contexto para um conjunto de eventos voltados à promoção da saúde e preservação do meio ambiente. São organizados plantios coletivos de árvores, trilhas ecológicas, oficinas de brinquedos, paisagismo e fotografia, exposições temáticas, rodas de poesia e apresentações de teatro, dança e música.

No dia 22, Dia Mundial Sem Carro, atividades de educação ambiental e para o trânsito integram a Cidade a movimentos mundiais de conscientização sobre a redução do uso do automóvel.

Ainda nesta época, acontece a Semana Municipal da Bicicleta, marcada por disputas ciclísticas de diferentes modalidades, passeios noturnos, exposições, cursos e encontros para debate de temas atinentes à segurança no trânsito e à prática do ciclismo.

Local: (*)

Três últimas semanas

PORTO ALEGRE EM CENA

Considerado um dos principais encontros de artes cênicas da América do Sul, reúne dezenas de grupos nacionais e inter-nacionais, oferecendo um panorama da diversidade de tendências, características e possibilidades observadas nessa área.

Paralelamente aos espetáculos teatrais, uma intensa programação cultural, incluindo seminários, debates e oficinas, transforma a Cidade na capital latino-americana do teatro.

Local: (*)

Semana no final de setembro ou no início de outubro (exceto em ano de Bienal, quando será realizada em dezembro)

FEIRA LATINO-AMERICANA DO ARTESANATO

 

Expositores de todas as regiões do Brasil e artesãos de países da América Latina comercializam produtos utilitários, decorativos, acessórios e bijuterias, instalados em estandes que se distribuem pelo térreo e mezanino da Usina do Gasômetro. São apresentadas manifestações culturais do País e da América Latina, incentivando o intercâmbio de experiências e o debate de temas referentes ao artesanato na atualidade.

O público participa de eleição para escolha das melhores peças expostas durante o período da Feira.

Local: Usina do Gasômetro (Av. Pres. João Goulart, 551, Centro Histórico). (*)

Último final de semana

FESTIVAL DAS FLORES

 

 

A cada ano, um tema definido previamente norteia os trabalhos de decoração da Catedral Anglicana da Santíssima Trindade. Nos três dias do Festival, podem ser apreciados símbolos, cores, objetos e arranjos florais inspirados em aspectos que compõem o tema escolhido. A abertura das atividades ocorre com a realização de um culto e, todos os dias, nas laterais externas da Igreja, à sombra de gazebos montados especialmente para o evento, é oferecido um chá aos visitantes. No sábado à tarde e no domingo, são apresentados concertos musicais.

Local: Catedral Anglicana da Santíssima Trindade (Rua dos Andradas, 880, Centro Histórico).

Última semana do mês

FEIRA DO LIVRO INFANTIL NO JARDIM BOTÂNICO

Com estantes localizadas em áreas especialmente preparadas para esse fim, a Feira atua em duas frentes, incentivando o hábito da leitura e proporcionando o aprendizado ambiental. Dessa forma, o visitante poderá adquirir livros infantis a preços reduzidos e participar de oficinas, palestras e eventos artísticos, enquanto usufrui das belezas naturais características do Jardim Botânico de Porto Alegre.

Local: Jardim Botânico de Porto Alegre (Rua Dr. Salvador França, 1427, Jardim Botânico).

OUTUBRO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Semana no início de outubro ou no final de setembro (exceto em ano de Bienal, quando será realizada em dezembro)

FEIRA LATINO-AMERICANA DO ARTESANATO

Ver descrição detalhada no mês de setembro.

Semana do mês

SEMANA MUNICIPAL DO HIP -HOP

O movimento hip-hop abrange diversos aspectos da vida social, que vão desde elementos culturais e artísticos até novas formas de educação, geração de renda e manifestação política.

Durante a realização da Semana, de forma descentralizada, são promovidos seminários, palestras, oficinas, performances, rimas, batalhas de b-b-boys e shows em diversas regiões da Cidade.

Local: (*)

Primeira semana

FESTIVAL DE MÚSICA DE PORTO ALEGRE

Criado pelo Governo Municipal, a partir de solicitação da comunidade, o Festival propicia o surgimento de novos músicos porto-alegrenses mediante um concurso de músicas inéditas.

Durante o período de realização do concurso, são realizados shows musicais.

Local: (*)

Primeira semana

FEIRA DO GIBI

 

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Segunda quinzena

 

SEMANA MUNICIPAL DA CAPOEIRA

Reúne capoeiristas da Cidade e de outros municípios e tem como objetivos a divulgação e o aprimoramento das técnicas de capoeira e o debate sobre questões atinentes a essa atividade.

A programação é desenvolvida em diferentes pontos da Cidade, abrangendo competições, cursos, oficinas, samba de roda, produções artísticas, exposição e comércio de produtos do setor.

Local: (*)

Durante o mês

MÊS DOS ESPORTES RADICAIS

A prática e a disputa de modalidades como skate street, skate velocidade, skate vertical, skate mountainboard, bicicleta BMX, mountain bike, patins in-line, jet ski, kitesurf e wakeboard recebem uma programação diferenciada, buscando oportunizar aos jovens o contato com o esporte como instrumento de inclusão social, integração, saúde, lazer e trabalho.

Durante os eventos, são apresentados audiovisuais e realizadas palestras por representantes de federações esportivas e atletas.

Local: (*)

Semana que inclua o primeiro sábado

SEMANA DA ÁGUA

 

Ações de educação ambiental enfocadas em questões relativas ao uso e à preservação dos recursos hídricos assinalam o transcurso da Semana Interamericana da Água, da Semana Estadual da Água e do Dia Municipal da Água, que é comemorado no primeiro sábado do mês. Conta com atividades como seminários, exposições fotográficas, intercâmbio de experiências, passeios monitorados de barco pelo Guaíba, visitas orientadas a estações de tratamento de esgotos, mutirões de limpeza em cursos d’água, gincanas ecológicas, caminhadas, apresentações de dança, teatro e shows musicais.

Alguns eventos destinam-se exclusivamente ao público estudantil ou exigem inscrição prévia dos participantes.

Local: (*)

Preferencialmente no dia 12

DIA DA CRIANÇA

Durante todo o domingo, em espaços do Parque, crianças e familiares podem participar de uma programação diferenciada

Teatro de bonecos, perna de pau com malabares, brinquedoteca, oficinas de patinação e confecção de brinquedos, desafios esportivos, camas elásticas e brinquedos infláveis, piscina de bolinhas e passeios a cavalo são algumas das atividades promovidas durante a festa, geralmente encerrada com a apresentação de show musical.

Também são instalados estandes para prestação gratuita de serviços, com a participação da Brigada Militar, especialmente do Corpo de Bombeiros, e de profissionais de saúde de entidades públicas e privadas da Cidade.

Local: Parque Marinha do Brasil. (*)

Dia 12

PROCISSÃO DOS MOTOQUEIROS

Motoqueiros da Cidade e de outros municípios mobilizam-se para participar da procissão em homenagem a Nossa Senhora Aparecida, padroeira e protetora da categoria.

Durante o evento, uma imagem da Santa é transportada pelos fiéis, ocorrendo, ao final da procissão, uma cerimônia religiosa na qual se profere bênção especial de proteção aos participantes.

Local: (*)

ROMARIA DAS ÁGUAS

Movimento de caráter religioso e cultural que busca difundir o sentido sagrado das águas e conscientizar sobre a importância da preservação dos recursos hídricos. Consiste em uma procissão fluvial que sai do Parque Náutico, seguindo até a prainha do Gasômetro. Ali são realizados um ato inter-religioso e o ritual de mistura das águas, em que amostras de água recolhidas das nascentes de bacias da Região Hidrográfica do Guaíba são abençoadas e lançadas no Guaíba.

A festa é complementada por shows artísticos, apresentação de danças afros e indígenas, oficinas, exposições e festejos populares.

Local: (*)

Segunda quinzena

SEMANA DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Exposições, palestras, apresentação de audiovisuais, oficinas, visitas a laboratórios, jogos, teatro, música, feiras e tendas de ciências viabilizam à população, em especial às crianças e aos jovens, um contato direto com o mundo da ciência e da tecnologia, valorizando a criatividade e a atitude científica e propiciando o debate acerca da importância da ciência e da tecnologia para a vida de cada um e para o desenvolvimento do País.

Local: (*)

Dia 28

FESTA E PROCISSÃO DA PARÓQUIA SÃO JUDAS TADEU

 

Durante o dia, são realizadas missas festivas e proferidas bênçãos especiais aos devotos.

Os fiéis podem participar ainda da procissão em homenagem a São Judas Tadeu pelas ruas da região, no final da tarde ou à noite, quando o trajeto é iluminado por velas carregadas pelos fiéis.

Local: Igreja de São Judas Tadeu (Rua Juarez Távora, 171, Partenon).

Outubro ou novembro

 

FESTA DO PÊSSEGO

Produtores da Zona Sul de Porto Alegre vendem frutas e produtos à base de pêssego, em especial geleias, doces e compotas. Além do comércio da fruta, também são oferecidos ao público outros artigos, como artesanato, calçados e vestuário.

O local apresenta espaço para um chimarródromo, com distribuição gratuita de água quente e erva, e uma praça de alimentação onde são vendidos diversos pratos típicos, como carreteiro, peixe na taquara, cucas, pães, crepes e sorvetes caseiros feitos de pêssego.

Local: Centro de Eventos da Vila Nova (Estr. João Salomoni, 2637, Vila Nova). (*)

Final de outubro e primeira quinzena de novembro

FEIRA DO LIVRO DE PORTO ALEGRE

A Feira do Livro de Porto Alegre é uma das maiores e mais antigas do País. Sua primeira edição ocorreu em 1955 e atualmente recebe grandes nomes do mercado editorial brasileiro e internacional.

Estandes instalados pela Praça e arredores oferecem livros novos e usados com descontos especiais, e o público pode participar de extensa programação cultural, como sessões de autógrafos, debates, palestras, encontros com autores, escrita conjunta de textos, apresentações de música, dança e teatro.

Sua estrutura conta com praça de alimentação, espaços para encontros e espetáculos e ambientes diferenciados para as áreas internacional e infantil.

Local: Praça da Alfândega e arredores, Centro Histórico. (*)

NOVEMBRO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Outubro ou novembro

FESTA DO PÊSSEGO

Ver descrição detalhada no mês de outubro.

Final de outubro e primeira quinzena de novembro

FEIRA DO LIVRO DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de outubro.

Primeira quinzena

SEMANA ARP DA COMUNICAÇÃO

Temas referentes à propaganda são objeto de discussão durante uma semana de atividades que envolvem seminários, debates, oficinas e palestras proferidas por profissionais de renome nacional e internacional que atuam no setor.

Também são entregues prêmios concedidos pela Associação Riograndense de Propaganda – ARP – para personalidades e empresas que se destacaram nas áreas de propaganda e comunicação.

Local: (*)

Segundo domingo

ROMARIA DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA MEDIANEIRA

A Paróquia Nossa Senhora Medianeira foi fundada em 1942, e, em 1957, a área que a abrigava levou seu nome, sendo denominada de Bairro Medianeira.

A procissão reúne centenas de pessoas que celebram a Santa. A concentração ocorre pela manhã, na rótula das Avenidas Érico Veríssimo e Azenha e Rua José de Alencar, conhecida como Rótula do Papa, e segue até a Igreja, onde é realizada missa e, após, ocorre um almoço.

Local: Igreja Nossa Senhora Medianeira (Rua Cel. Neves, 111, Medianeira).

Semana que inclua o dia 20

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA E DE AÇÃO ANTIRRACISMO

Shows, atos políticos, cursos, palestras, debates, apresentações artísticas são algumas das atividades promovidas nesta Semana, com o objetivo de divulgar a cultura afro-brasileira e conscientizar quanto a questões político-sociais relativas ao papel do negro na sociedade atual.

Durante o período, também são organizados eventos de forma descentralizada em diversas vilas da Cidade, destacando-se o Encontro da Comunidade Negra, que ocorre no Campo do Vermelhão, no morro da Vila Maria da Conceição.

Local: (*)

Semana que inclua o dia 20

SEMANA DA RESTINGA

A solenidade de abertura costuma ser marcada por uma celebração religiosa, show de fogos de artifício e apresentações artísticas, dando início a uma semana de eventos que objetivam promover a integração da comunidade e divulgar aspectos culturais, econômicos e sociais que caracterizam a região.

Entre as atividades, destacam-se a Feira de Produção e Desenvolvimento da Restinga, shows com bandas locais, grafitagem, torneios e competições esportivas, muambas de escolas de samba, cursos, palestras e oficinas de prestação de serviços.

Local: Esplanada da Restinga, Restinga. (*)

Último final de semana

FESTA ALMA CIGANA – RITOS, CANTOS E MAGIA

Realizada no Parque que foi local de morada de ciganos nas décadas de 1930 e 1940, tem como objetivo divulgar a história e a tradição desse povo, propiciando também contato com manifestações culturais dos diferentes grupos étnicos que integram a comunidade do Bairro. Nesse sentido, destacam-se mostras e comércio de artigos relacionados à cultura cigana, atendimento com cartas e oráculos, exposições, rodas de capoeira, estandes de comidas típicas e espetáculos de dança cigana, flamenca e do ventre, além de shows de música popular brasileira e latina. Paralelamente às atividades culturais, ocorrem noivados seguindo o ritual cigano.

Local: Parque Moinhos de Vento.

Última semana de novembro e primeira semana de dezembro

SALÃO NÁUTICO DO MERCOSUL

Estaleiros, fabricantes de barcos a vela, a motor e outros, além de empresas de equipamentos relacionados à vida marítima e de artigos para prática de esportes náuticos, expõem seus produtos em uma estrutura localizada na orla do Guaíba.

Concomitantemente, são realizadas competições náuticas, ministrados cursos por integrantes da Marinha do Brasil e por palestrantes de renome internacional e promovidos shows, desfiles, oficinas, mostras fotográficas e visitas orientadas de estudantes, viabilizando o intercâmbio de informações sobre meio ambiente, turismo, esporte e saúde.

Local: (*)

Último domingo

DIA DO GUAÍBA

Neste dia, são promovidos shows musicais, apresentações de teatro e dança, exposições técnico-científicas, intercâmbio de experiências, distribuição de sacolas ecológicas, palestras e demonstrações de esportes náuticos, buscando desenvolver a consciência ecológica e incentivar ações que objetivem preservar os recursos hídricos da Cidade.

Local: (*)

DEZEMBRO

Abril a dezembro

CAMPEONATO MUNICIPAL DE BOCHA

Ver descrição detalhada no mês de março.

Maio a dezembro

JOGOS ABERTOS DE PORTO ALEGRE

Ver descrição detalhada no mês de abril.

Junho a dezembro

CAMPEONATOS ESPORTIVOS MUNICIPAIS

Ver descrição detalhada no mês de maio.

Última semana de novembro e primeira semana de dezembro

SALÃO NÁUTICO DO MERCOSUL

Ver descrição detalhada no mês de novembro.

Durante o mês de dezembro, com encerramento no dia 6 de janeiro

NATAL DA USINA

Tradicionalmente, o evento inicia com a instalação de uma árvore de Natal, iluminada por milhares de pontos de luz, cujo acendimento ocorre em meio a um espetáculo de fogos de artifício e música, na beira do Guaíba.

A árvore é iluminada todas as noites e, nos finais de semana, o público pode participar de extensa programação gratuita, que inclui shows de música e de dança, presépio vivo, espetáculos teatrais, oficinas, feiras e exposições.

Local: Usina do Gasômetro (Av. Pres. João Goulart, 551, Centro Histórico).

Dezembro a janeiro

DESCIDA DA BORGES

Relembra os primórdios dos desfiles carnavalescos da Capital, inicialmente realizados na Av. Borges de Medeiros.

Escolas de samba organizam apresentações em que o público se mistura a um festival de bandeiras, estandartes, alegorias, fogos de artifício e muito samba, mostrando um pouco do espetáculo que irá integrar o Desfile Oficial do Carnaval da Cidade.

Local: Inicia na Esquina Democrática (Rua dos Andradas com Av. Borges de Medeiros, Centro Histórico).  (*)

Dia 2

24 HORAS DE SAMBA

Para comemorar o Dia do Samba, a população se mobiliza em uma maratona de 24 horas de samba, com participação de bandas e artistas de renome local e nacional.

As apresentações geralmente iniciam em quadra de escola de samba e prosseguem com rodas organizadas em bares, praças e ruas, em um trajeto que pode envolver passeios de trem e barco, com saídas na Estação Mercado do Trensurb e na Usina do Gasômetro.

Local: (*)

Dia 8

FESTA DE OXUM

O orixá feminino das águas doces, do ouro, da beleza, do amor e das crianças recebe homenagens, entre as quais se destacam as promovidas na prainha da Usina do Gasômetro e na praia de Ipanema, onde são entregues oferendas, geralmente feitas com trabalhos e despachos à base de mel e quindim.

Também é realizada procissão motorizada pela Av. Guaíba até o Monumento à Mãe Oxum, junto ao qual, durante a noite, ocorre um show de queima de fogos de artifício.

Local: (*)

17 a 22

FEIRA DE ECONOMIA SOLIDÁRIA DE NATAL

Segue uma proposta de trabalho coletivo, propiciando aos feirantes acesso à capacitação técnica, divulgando produtos e abrindo novos espaços de comercialização.

Durante o evento, são oferecidos ao público artesanato, confecções, produtos de agricultura familiar, da agroindústria e alimentação.

Local: Largo Jorn. Glênio Peres, Centro Histórico.

Dia 31

RÉVEILLON DA USINA

A partir das 19h deste dia, começam as apresentações culturais com shows de bandas consagradas local e nacionalmente. À meia-noite, ocorre a queima de fogos de artifício, para marcar a virada do ano, em um espetáculo pirotécnico que atrai um público de milhares de pessoas para a orla do Guaíba.

Simultaneamente, também ocorrem, nesta data, rituais de saudação aos orixás protetores e regentes do ano que se inicia.

Local: Usina do Gasômetro (Avenida Presidente João Goulart, 551, Centro Histórico).

 

(*) Ver Calendário Mensal de Atividades de Porto Alegre